Gamificação e seu uso estratégico no desenvolvimento de lideranças

Blog

Duomo Educação

Postado 03/05/2019

No contexto organizacional, nunca se focou tanto no desenvolvimento do capital humano como hoje. As empresas conseguiram perceber que, investindo na qualificação dos times, benefícios como aumento da produtividade, fortalecimento da cultura organizacional e engajamento das equipes a curto prazo. É claro que, para que esses procedimentos de educação corporativa cumpram com seu propósito, é preciso considerar ferramentas eficientes e que apresentem bons resultados.

Neste post, falaremos mais sobre uma dessas ferramentas, a gamificação, e como ela é um recurso importante a ser utilizado nos treinamentos corporativos, com contribuições até para desenvolver lideranças. Acompanhe!

O que é gamificação

O conceito se baseia no uso da lógica dos games para tornar o processo de aprendizado mais divertido, sem deixar a fixação do conhecimento, que é o foco principal. É um recurso utilizado para tornar os treinamentos mais atraentes e envolventes, estimulando também a prática — fundamental para a absorção completa do conteúdo, permitindo que ele seja aplicado com eficiência no dia a dia.

A questão é que, quando os treinamentos são desenvolvidos por meio de metodologias generalistas, feitos para serem encaixados em qualquer contexto, é comum que os colaboradores realmente não se sintam motivados ou até mesmo concentrados nas informações passadas. É justamente aqui que entra a gamificação.

O propósito de qualquer treinamento é garantir que os participantes absorvam o conteúdo desejado e, acima de tudo, o apliquem no dia a dia de trabalho, não concorda? Afinal de contas, o que está em jogo, aqui, é a mudança (ou desenvolvimento) de comportamento — e para que isso aconteça, é preciso que os colaboradores estejam de fato focados e engajados durante o processo, o que é possível, utilizando intervenções gamificadas.

Gamificação nos treinamentos corporativos

Embora a gamificação geralmente envolva o uso de tecnologia, como programas e aplicativos que permitem que os colaboradores concluam missões e adquiram pontuações, o conceito também pode ser aplicado por outros meios, utilizando maneiras interativas de aprendizado, como por exemplo, simulações e interpretações de papéis.

O mais importante é que o recurso, quando aplicado nos treinamentos corporativos, consiga tornar o aprendizado leve, interativo e eficiente. É igualmente relevante pensar que o que funciona para uma empresa nesse sentido pode não ser ideal para a outra. Portanto, o mais indicado é contar com o auxílio de uma equipe especializada, que saiba considerar cuidadosamente como a gamificação se encaixará na estratégia da organização.

Tendo isso em mente, é possível montar as ações mais adequadas e usufruir dos benefícios dessa ferramenta. Existem outras razões para usar jogos no aprendizado, como aumentar o engajamento dos times, fortalecer a cultura organizacional, qualificar os colaboradores e até mesmo desenvolver habilidades de liderança, como veremos abaixo.

Desenvolvimento de habilidades de liderança

A gamificação pode ajudar no desenvolvimento da liderança de diferentes maneiras. Os jogos são, em sua essência, uma forma de simulação, ainda que abstrata. Eles permitem que o jogador participe de situações hipotéticas, buscando sempre se superar e atingir um propósito, como passar para a próxima fase e aumentar de nível.

Nos treinamentos de educação corporativa, simular algo real por meio da gamificação é uma vantagem. Durante o processo, o participante é exposto a situações nas quais ele colocará em prática habilidades como trabalho em equipe, tomadas de decisão rápidas e acertadas, criatividade, proatividade e resiliência. Essas são, justamente, algumas das principais características esperadas de um bom líder.

Além disso, jogos são feitos para desafiar o jogador — e o melhor de tudo, sem gerar estresse ou tédio. Essa é outra contribuição da gamificação para o desenvolvimento de lideranças, pois permite que o participante do treinamento trabalhe sua capacidade de driblar obstáculos e superar dificuldades, utilizando as competências desenvolvidas no dia a dia de trabalho, sem precisar passar por uma situação estressante para aprender.

A gamificação, então, é um recurso atraente e em alta quando o assunto é educação corporativa. Além disso, corresponde a uma ótima oportunidade para desenvolver liderança entre os colaboradores, facilitando a formação de líderes e times de alta performance.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, aproveite sua visita no blog para conhecer as nossas soluções em desenvolvimento de lideranças.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *