Postado 13/12/2016

Estilos de liderança, segundo a Liderança Situacional

Desenvolvimento de Lideranças, Soluções Duomo

É comum encontrar grandes empresas com problemas na delegação. São casos onde os gestores não conseguem adaptar o seu estilo de liderança à necessidade do colaborador.

Pesquisas apontam que a maioria dos gestores, inclusive no Brasil, gerenciam com um único estilo de liderança, independentemente do nível de maturidade do colaborador e da tarefa que ele está delegando.

Pensando em compreender melhor esse problema, os autores Paul Hersey e Kenneth Blanchard sugerem dividir esse processo em quatro estilos de liderança. Sendo que cada estilo é adaptado para um nível dematuridade do colaborador e devem ser considerados conforme o gestor lê a sua equipe.

1) Dirigir: dirigir

↑ ênfase na tarefa

↓ ênfase no comportamento

É o estilo de liderança mais adequado para o nível de maturidade 1, em que o gestor precisa ser mais diretivo, dando mais ênfase na explicação da tarefa. Dedicando menos tempo para a parte comportamental e de segurança, por exemplo. Porque é com o gestor agindo dessa forma, que o colaborador vai se sentir mais seguro.

 

2) Coordenar: coordenar

↑ ênfase na tarefa

↑ ênfase no comportamento

Nesse estilo de liderança, o gestor ainda dá ênfase para a explicação da tarefa, mas preocupa-se também com as questões comportamentais do colaborador. É o 

momento de motivar o colaborador e dar a ele, autonomia e segurança para realizar uma tarefa.

 

3) Compartilhar: compartilhar

↓ ênfase na tarefa

↑ ênfase no comportamento

Nesse nível o colaborador já tem domínio técnico e desenvolve bem suas tarefas, mas ainda assim não tem a performance que o gestor gostaria que tivesse, que pode estar ligada a aspectos comportamentais, de insegurança ou falta de engajamento. Então, nesse estilo de liderança, o gestor trabalha com as questões emocionais do colaborador.

Como por exemplo, ajudando o colaborador a ver sentido nas tarefas, mostrando o quanto o trabalho realizado por ele pode fazer toda a diferença para a organização.

 

4) Delegar: delegar

↓ ênfase na tarefa

↓ ênfase no comportamento

A maturidade 4 pede um estilo de liderança que os autores, Paul Hersey e Kenneth Blanchard, chamam de delegador. Nesse modelo de gestão costuma-se dar pouca ênfase na execução da tarefa e na parte emocional. A intenção é que o colaborador trabalhe de uma maneira mais autônoma, sinta-se seguro e comprometido para realizar a tarefa de maneira correta.

Adapte os estilos de liderança ao nível de maturidade dos seus colaboradores. A Duomo Educação Corporativa pode te ajudar a traçar esses perfis. Entre em contato e obtenha mais informações sobre os nossos serviços.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *