Artigos Sobre Empreendedorismo Corporativo

10 atitudes simples para você ser um empreendedor de sucesso

Extraído de http://exame.abril.com.br/pme/noticias/10-atitudes-simples-para-voce-ser-um-empreendedor-de-sucesso

 

Quem decide ter o seu próprio negócio nem sempre está totalmente preparado para a empreitada, especialmente quando se é um empreendedor de primeira viagem. Mas existem alguns hábitos cotidianos que podem te ajudar a liderar sua empresa com sucesso.

Para Fernando Góes, sócio da consultoria Ockam, a primeira coisa é não esquecer que os negócios são feitos sempre de pessoas. “É imprescindível lembrar do elemento humano, dos indivíduos envolvidos”, afirma. Sendo assim, Góes recomenda aos empreendedores que não se esqueçam de sua vida pessoal e que conversem sempre que puderem com seus funcionários e clientes.

Justamente por serem humanos, os empreendedores muitas vezes precisam de ajuda. Por isso, o especialista Arnaldo Auad, fundador da empresa de coaching Direção e Sentido, recomenda aos empresários que busquem o auxílio de um coach ou um mentor. “Se atletas de elite precisam de ajuda, porque nós conseguiríamos sozinhos?”, questiona.

No entanto, os conselhos recebidos não devem nunca ser levados a ferro e fogo, alerta o consultor Joacir Martinelli, da Duomo Educação Corporativa. “Sempre dizem que o empreendedor deve ser persistente. Mas isso não significa que ele deve ser teimoso. Também dizem que ele deve ter iniciativa, no entanto, ele não pode deixar o planejamento de lado”, explica.

Para ajudar os empreendedores nesta jornada, selecionamos abaixo dez hábitos do dia a dia que tornam bem mais fácil o caminho para o sucesso de suaempresa. Veja:

1 – Preze pelos rituais

Para o especialista Fernando Góes, da Ockam, uma atitude que ajuda no sucesso dos empreendedores é dar valor a rituais diários. Como assim? “São coisas simples como estar na empresa desde cedo, dando exemplo aos seus liderados. A nova geração quer mais liberdade, mas isso não significa abrir mão da disciplina”, exemplifica.

2 – Converse mais

Para o especialista, é importante que o empreendedor não fique “encastelado em seu computador”. “Ele precisa sair da sua cadeira e conversar com a sua equipe sobre o negócio e sobre a vida. Também precisa conversar com o cliente, deve ter pelo menos uma visita por dia”, aconselha. Essa troca de ideias ajuda o empresário a enxergar melhor o mercado e o seu negócio.

3 – Não viva só para trabalhar

Fazer as coisas que gosta, como praticar um esporte, ir ao cinema ou ter um trabalho voluntário ajuda o empreendedor a tomar decisões na empresa, segundo o especialista Góes. “Sem isso, as coisas começam a se desequilibrar, ele fica estressado, a conta começa a vir na saúde e a qualidade de decisões dele fica comprometida”, afirma.

Outro ponto importante, segundo o especialista Arnaldo Auad, da consultoria Direção e Sentido, é dar atenção à vida afetiva. “Manter seus relacionamentos afetivos em dia e prezar pelo equilíbrio entre a vida pessoal e a profissional tem reflexos em qualquer coisa que o empreendedor faça”, afirma.

4 – Aprenda sobre seu negócio

Para Auad, é importante que o empreendedor busque sempre aprender algo novo sobre seu negócio. “Se você lida com uma empresa do setor de serviços, pelo menos uma vez ao dia leia algo sobre esse assunto”, exemplifica. Outras opções são cursos de curta duração ou mesmo programas disponíveis na internet.

5 – Procure ajuda

Em muitos momentos, a vida do empreendedor pode ser muito solitária, com decisões importantes que afetam a sua vida e a de seus funcionários. Sendo assim, Auad recomenda que os empresários busquem ter sempre alguém com quem possam trocar experiências. “Recomendo que ele tenha um coach, pessoas que possam ter algo a acrescentar sobre aquilo que ele está vivendo”, afirma.

6 – Cuide da sua saúde

Dizer que é necessário cuidar da saúde parece óbvio, porém, muitos empreendedores deixam isso de lado. “A rotina do empreendedor pode ter muitas aflições, ansiedade, e essa parte emocional pode influenciar no físico, o que não podemos permitir”, afirma Auad.

7 – Seja persistente (sem ser teimoso)

Segundo Joacir Martinelli, da consultoria Duomo, é comum os empreendedores ouvirem que devem ser persistentes para ter sucesso. No entanto, não é recomendado confundir persistência com teimosia. “Vejo que algumas pessoas confundem uma coisa com a outra. É preciso ser persistente, mas não ter a teimosia de insistir num produto que não está dando certo, por exemplo. O empreendedor deve ser flexível e enxergar o que o mercado está pedindo”, afirma.

8 – Ouça o feedback dos seus clientes

Um hábito que poucos empreendedores têm, segundo Martinelli, é o de ouvir verdadeiramente seus clientes. “A grande maioria dos empreendedores não quer ter o feedback do cliente, quer apenas que ele diga que está tudo ótimo”, afirma. Para o consultor, um retorno sincero, mesmo que não seja tão positivo, é um “presente” para o empreendedor melhorar e ter mais sucesso. Portanto, ouça o seu cliente.

9 – Planeje

Ter iniciativa é uma das principais características que diferenciam os empreendedores. Mas agir sem planejar pode trazer muita dor de cabeça. Portanto, use uma parte do seu tempo para pensar antes de agir. “O empreendedor precisa balancear a iniciativa com o planejamento, caso contrário ele pode sofrer com o desperdício de recursos”, aconselha Martinelli.

10 – Pense o seu produto

Acredite se quiser: sua vontade de colocar a mão na massa pode atrapalhar o seu sucesso. “Alguns empresários ficam na operação do produto e tornam-se empregados do próprio negócio”, explica Martinelli. Com isso, o empreendedor não consegue pensar sobre como melhorar, e a empresa não decola. “Esse talvez seja o grande diferencial de empreendedores de sucesso”, afirma.